O vereador de Várzea Grande Pedro Paulo Tolares (DEM), o “Pedrinho”, registrou um boletim de ocorrência contra o também vereador várzea-grandense Claido Celestino Batista (PT do B), popularmente conhecido como “Ferrinho”, alegando ter sido vítima de estelionato.

O B.O. foi registrado no dia 3 de março.

O vereador Pedrinho (DEM) afirmou ter descoberto que o colega havia utilizado um contrato de locação de um imóvel com o seu nome para prestar contas das eleições de 2016 ao Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE-MT).

O contrato do imóvel, no valor de R$ 2,4 mil, localizado no Bairro Santa Izabel, estava em uma publicação no site do TRE-MT.

No Boletim de Ocorrência, o vereador Pedrinho alegou que Claido Batista usou de má fé para locar o imóvel em seu nome.

“O comunicante enfatiza que nunca autorizou, nem contratou ou locou nenhum imóvel e que o Sr. Claido Celestino Batista usou de má fé para locar o imóvel no nome do comunicante”, cita o trecho da narrativa do BO.

Pedrinho (DEM) e Ferrinho (PT do B) foram eleitos respectivamente com 2.929 e 1.351 votos, em 2016.

A reportagem do MidiaNews tentou entrar em contato com a assessoria da Câmara de Vereadores de Várzea Grande para localizar os vereadores, mas não teve sucesso.

Fonte: http://www.midianews.com.br