22/05/2024

Primeiro dia de sessão dupla é marcado por bate-boca

Vereadores debateram sobre acabar ou não com o pequeno expediente da 2ª sessão, utilizado para apresentar indicações e projetos

 

O primeiro dia de sessão dupla na Câmara de Cuiabá foi marcado por bate-boca entre os vereadores. A principal questão levantada foi se uma das etapas das sessões – o pequeno expediente – seria retirado ou não do segundo encontro.

De acordo com o Regimento Interno, as sessões plenárias são divididas em: pequeno expediente, destinado a apresentação de indicações e projetos; grande expediente, para discussão de propostas; tribuna livre, para discursos de representantes da sociedade; ordem do dia, quando são aprovados os projetos; e explicações pessoais, destinado a discurso diversos dos vereadores.

A sugestão de “pular” o pequeno expediente na segunda sessão foi do vereador Adevair Cabral (PSDB). Três parlamentares, no entanto, se manifestaram contra, quando o pedido foi colocado em votação. O pedido de Abílio Júnior (PSC) para justificar seu voto (contrário à medida) abriu, então, um debate que tomou mais tempo do que o próprio pequeno expediente levaria.

Para Abílio, acabar com o pequeno expediente poderia fazer com que as próximas sessões ocorressem “pela metade”. “Vamos cortar o mal pela raiz, para que as sessões não sejam incompletas”.

Felipe Wellaton (PV) e Marcelo Bussiki (PSB), que também votaram contra, se manifestaram no mesmo sentido. Tiveram o argumento rebatido por Adevair e por Renivaldo Nascimento (PSDB), este último autor da proposta que transferiu as sessões de quinta-feira para terça-feira sob a justificativa de economia.

“Estamos fazendo duas sessões no mesmo dia justamente por isso, as sessões estão prejudicadas. Não temos servidores nos gabinetes”, pontuou Renivaldo, em referência à demissão de 460 funcionários por falta de orçamento para pagar os salários.

O “bate-boca” terminou com o discurso de Ricardo Saad (PSDB), que lembrou os colegas que as indicações e projetos podem ser apresentados também no grande expediente. “E não me venham falar de prejuízo à sociedade. Tem muito mais coisas que causa prejuízo à sociedade. Ficar discutindo aqui, não vai levar ninguém a lugar nenhum”, reclamou.

 

Fonte: http://olivre.com.br

Similar Articles

Comments

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Advertisment
DP TESTE

Powered by WP Bannerize

Recentes

Advertisment
DP TESTE

Powered by WP Bannerize