21/04/2024

WS: “Rejeição de 26% é animadora; Taques será eleito no 1º turno”

“Governador será o mais votado na Capital e terá desempenho no interior ainda melhor”, diz Wilson

O líder do Governo na Assembleia Legislativa Wilson Santos (PSDB) classificou como “animadores” os números divulgados pelo Voice Pesquisa, que mostram o governador Pedro Taques (PSDB) com uma rejeição de 26,6%, sendo o mais rejeitado entre os pré-candidatos ao Paiaguás.

“As pesquisas quantitativas nesse momento representam pouco. O que chama atenção é a diminuição dos índices de rejeição do Governo Taques. Um dos fundamentos para ter competitividade numa eleição é ter uma rejeição de no máximo 30%. E ele já está abaixo desse patamar”, afirmou Wilson.

“A rejeição do governador vem caindo a cada pesquisa. Já chegou num patamar ideal. Então foi uma pesquisa muito alvissareira, muito animadora. Nossa base está animada com a pesquisa”, acrescentou o tucano.

A rejeição do governador vem caindo a cada pesquisa. Já chegou num patamar ideal. Então foi uma pesquisa muito alvissareira, muito animadora. Nossa base está animada

De acordo com o deputado, a tendência é que a rejeição de Taques diminua ainda mais após o início do período eleitoral.

A justificativa, segundo ele, é que o Governo tem muitos resultados para apresentar à população.

“Os números vão começar a mudar depois de 10 dias dos programas de TV e rádio. Aí começa a mudar. Daqui até lá os números serão muito parecidos com os que estão aí. Porque não há espaço para fatos radicais, relevantes”, disse.

Vitória em 1ª turno

Wilson também falou com tranquilidade sobre o fato de Taques aparecer em segundo lugar nas intenções de voto, com 16%, atrás do ex-prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes (DEM), que foi citado por 19% dos entrevistados.

A tendência, segundo o deputado, é que o governador dobre esse número, garantindo, inclusive, sua vitória no primeiro turno.

“O candidato que está no governo tende a dobrar a intenção de votos. Se Taques tem hoje em torno de 20% na Capital, ele vai fazer, em Cuiabá, entre 35% a 40%, no primeiro turno. Ele será o mais votado na Capital e terá desempenho no interior ainda melhor, na minha concepção”, disse.

“E não se surpreendam se Taques vencer ainda no primeiro turno. Eu falava isso e as pessoas riam. Hoje, parte daquelas pessoas começa entender que é possível. Continuo firme: não haverá dois turnos. Taques será reeleito no primeiro turno”, concluiu o deputado.

 

Fonte: http://www.midianews.com.br

Similar Articles

Comments

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Advertisment

Powered by WP Bannerize

Recentes

Advertisment
TRANSPARENCIA

Powered by WP Bannerize