27/02/2024

“MDB não abre mão de vaga na majoritária, seja vice ou Senado”

Bezerra disse não descartar disputa ao Senado, mas afirmou não estar “desesperado” por cargos

O presidente do MDB em Mato Grosso, deputado federal Carlos Bezerra, disse não abrir mão de que sua sigla dispute o Senado ou a vice-governadoria na chapa do pré-candidato ao Governo Wellington Fagundes (PR).

Segundo ele, o partido tem força política para estar nas principais disputas.

“Ainda não sabemos quem será vice ou senador. Essa questão ainda está sendo definida. A fase ainda é de candidatura a governador. Estamos discutindo esse assunto e tentando ampliar a base. Então, essa questão de Senado vai ficar para o fim de julho”, disse, em conversa com a imprensa, durante um evento do partido na manhã desta segunda-feira (25).

MDB não abre mão de uma vaga na majoritária. Seja a vice-governança ou uma vaga de Senado. Porque foi o partido com maior número de voto

“Mas o MDB não abre mão de uma vaga na majoritária, seja à vice-governança ou uma vaga ao Senado. Porque foi o partido com maior número de votos na última eleição em Mato Grosso. Elegemos os prefeitos das principais cidades. Então, é justo e natural que o MDB tenha uma vaga na majoritária”, afirmou.

Caso o partido decida indicar o vice de Wellington, um dos mais cotados é o ex-prefeito de Sinop, Juarez Costa.

“Temos conversado com o prefeito Emanuel Pinheiro, Francisco Faiad, o pessoal aqui de Cuiabá para ver a definição de nomes. O partido tem nomes aqui na baixada. A ex-reitora da UFMT [Maria Lucia Neder], não é do nosso partido e é candidata ao Senado, mas seria uma excelente vice. Vai depender do andamento das negociações”, disse.

“Há, por exemplo, quem defenda que o vice deva ser da baixada cuiabana. Muitos defendem. Vai depender do que vai acontecer daqui para a frente. Nós temos vários nomes. Mas não entramos nessa discussão, porque não é o momento ainda, vai ficar para o mês que vem”, afirmou.

Sem desespero por cargos

Caso o MDB tenha espaço para indicar um nome ao Senado, o próprio Bezerra é o mais cotado.

Ele disse ter o desejo de concorrer, mas afirmou que não está “desesperado” por cargos.

“Poderei ser também candidato ao Senado, vai depender do andamento das conversações. Eu nunca atropelei ninguém, nem o partido, nem a coligação. Tudo tem seu tempo de decidir e de acordo com entendimento da maioria”, disse.

“Eu não sou um desesperado por cargos. Tenho nove mandatos, estou indo para o décimo. O político mais longevo de Mato Grosso. Nenhum na história do Estado conseguiu tanto mandato quanto eu. Mas sempre os consegui de forma madura, não precipitada. E será assim também agora”, completou.

 

Fonte: http://www.midianews.com.br

Similar Articles

Comments

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Advertisment

Powered by WP Bannerize

Recentes

Advertisment
DP TESTE

Powered by WP Bannerize