23/04/2024

Mendes aguarda informações de equipe de transição para definir restante do secretariado

Por: Carlos Gustavo Dorileo / Érika Oliveira

Com menos de um mês para tomar posse, o governador eleito Mauro Mendes (DEM) afirmou que ainda não escolheu todos os secretários para sua gestão, mas assegurou que os nomes das dez pastas restantes vão ser anunciados até a próxima semana. Garantindo que sabe guardar segredo, o democrata disse que ainda precisa de mais informações de sua equipe de transição para definir 100% de quem vai estar no primeiro escalão de seu governo.

“Até a semana que vem eu anuncio 100% do secretariado. Ainda estou em processo de definição, preciso receber as informações da comissão de transição. Preciso do maior número de informação possível para eu ter a melhor caracterização do perfil adequado para cada secretaria. Obviamente que eu já tenho alguns definidos na minha cabeça, mas não disse isso até agora para ninguém. Sou muito bom para guardar segredo”, disse o governador eleito, após encontro com deputados estaduais nesta quarta-feira (5).

Cumprindo a promessa de que faria uma reforma administrativa, Mendes anunciou um mês após ser eleito, a redução de 24 para 15 secretarias em seu governo. Ele também comunicou à imprensa que irá dispensar 3 mil cargos, entre comissionados, contratados e de função gratificada.

A medida, segundo o governador eleito, foi necessária para enxugar a máquina e equilibrar as contas do Estado. “Junto com a equipe de transição passamos a identificar onde poderemos reduzir gastos, promover cortes, cortar cargos, fundir secretarias. Tudo visando trazer economia aos cofres públicos para sobrar dinheiro e investir naquilo que é mais urgente ao cidadão. É o primeiro passo para a nossa meta de reequilibrar as finanças do Estado”, declarou.

Nesta quinta-feira (6), Mauro anunciou os nomes que vão comandar cinco das 15 pastas. São eles: Marioneide Angélica Kliemaschewsk, na Educação; o vereador Gilberto Figueiredo na Saúde; o empresário Mauro Carvalho para Casa Civil; o engenheiro Marcelo de Oliveira na Infraestrutura; e na Segurança o delegado da Polícia Federal Alexandre Bustamante.

O deputado federal Fábio Garcia (DEM) já descartou a possibilidade de assumir uma secretaria. Ele era um dos nomes cotados para assumir um cargo pela relação próxima e de confiança que mantém com Mendes, de quem foi secretário na Prefeitura de Cuiabá.

Veja as pastas que ainda sem nomes anunciados:

– Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão – Seplag
– Secretaria de Estado de Justiça- Sejus
– Secretaria de Estado de Cidadania, Assistência Social e Direitos Humanos – Setasdh
– Secretaria de Estado de Cultura, Turismo, Esportes e Lazer – Secel
– Secretaria de Estado de Fazenda – Sefaz
– Secretaria de Estado de Meio Ambiente – Sema
– Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação – Secitec
– Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico
– Controladoria Geral do Estado – CGE
– Procuradoria Geral do Estado – PGE

Similar Articles

Comments

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Advertisment
TRANSPARENCIA

Powered by WP Bannerize

Recentes

Advertisment
CNH

Powered by WP Bannerize