Dados de janeiro a abril de 2022 revelam 11.501 atendimentos e 929 cirurgias realizados na especialidade de ortopedia na unidade.

(por CRISTIANE GUERREIRO do MT de Fato)

image

O Hospital Municipal de Cuiabá e Pronto-Socorro Dr. Leony Palma de Carvalho (HMC) é referencia em ortopedia e traumatologia para pacientes do Sistema Único de Saúde – SUS. A unidade hospitalar realiza diversos atendimentos, como diagnóstico de doenças ortopédicas e cirurgias de alta complexidade. O atendimento é composto por médicos titulares em todas as suas subespecialidades, além de médicos residentes e das áreas multidisciplinares.

Segundo o gestor do HMC, Paulo Rós, o cuidado com o paciente é desde a entrada no pronto-socorro, com o serviço de diagnóstico (exames de imagem e laboratoriais), internação hospitalar, UTIs, centro cirúrgico e ambulatório. Dados de janeiro a abril de 2022 revelam que o HMC realizou 11.501 atendimentos e 929 cirurgias na especialidade de ortopedia na unidade.

Para o prefeito Emanuel Pinheiro, o atendimento tão rápido e com tanta eficiência demonstra a importância do hospital à população.

“Nossa estrutura é tão importante, que pacientes do interior buscam o serviço qualificado do HMC. O atendimento humanizado que é oferecido para a nossa gente contempla pacientes da capital, Cuiabá e de outros municípios do estado”, ressaltou o prefeito.

O balanço referente aos meses de janeiro a abril de 2022 tem como base as entradas no pronto-socorro e os agendamentos de consultas no ambulatório. De janeiro a abril de 2022 foram 6.094 atendimentos ortopédicos na urgência e emergência e 5.407 consultas ambulatoriais. Os casos envolvendo motos lideraram as entradas nos plantões da urgência e emergência. Foram 152 casos de acidentes de moto. Ainda foram registrados casos de acidente de automóvel (12), atropelamentos (8), quedas (58). Os demais são atendimentos ambulatoriais.

Segundo o médico e diretor-técnico do HMC, Carlos Maranhão, os principais procedimentos cirúrgicos realizados são de fraturas de membros superiores e fixação de fraturas através de fixadores externos ou internos. E as cirurgias mais complexas são de prótese de quadril para fratura de colo de fêmur e reconstrução óssea.  “A maioria dos pacientes atendidos são vítimas de acidentes de moto e quedas e as patologias mais recorrentes são de fraturas de membros superiores e membros inferiores”, ressaltou.

Um dos beneficiados foi o paciente Leandro Fernandes, 42 de anos, morador do Cinturão Verde, região de chácaras do bairro Pedra 90, em Cuiabá. Ele foi prontamente atendido pelo HMC, após dar entrada na urgência e emergência com fratura na perna direita, foi submetido à cirurgia após passar por todos os exames pré-operatórios. “Aqui estou recebendo o melhor atendimento possível e não tenho do que me queixar. Já passei por outras cirurgias, foi feito enxerto e para melhorar a cicatrização, eu estou passando por sessões de oxigenoterapia hiperbárica. Em breve estarei voltando para casa”, relatou o paciente.

O gestor do HMC explicou que a unidade hospitalar realiza cirurgias de alta complexidade na área da ortopedia. “A gestão Emanuel Pinheiro entregou um hospital novo e moderno, com equipamentos de ponta como a tomografia e intensificador de imagem dentro do centro cirúrgico”, destacou Rós.

“É importante procurar serviço de referência, onde existem médicos capacitados para direcionarem o tratamento. No HMC dispomos de médicos especialistas em cirurgia de ombro, cotovelo, mão, quadril, joelho, pé, tornozelo e ortopedia pediátrica. Além da equipe multidisciplinar e apoio de profissionais das áreas da cirurgia plástica, fisioterapia e oxigenoterapia hiperbárica, para auxiliar no tratamento da ortopedia de modo geral”, completou o gestor da unidade hospitalar.

O HMC é o único hospital de porta aberta para ortopedia em Cuiabá, sendo apenas duas unidades em todo o estado de Mato Grosso, que abrange atendimentos a pacientes da capital e do interior do estado. A equipe da ortopedia é composta por aproximadamente 35 ortopedistas, além dos residentes em ortopedia.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: https://www.mtdefato.com.br/cuiaba/hmc-vira-referencia-em-ortopedia-e-traumatologia-para-pacientes-do-sus/109224