O homem confessou o crime e disse aos policiais que agrediu o filho porque a criança estava chorando muito e a mãe ficava muito nervosa

(por Andreia Oliveira do MT de Fato)

image

Reprodução

Uma criança de 1 ano e 8 meses morreu após ser esganada pelo próprio pai, nesta segunda-feira (20), em Primavera do Leste (234,3 km de Cuiabá). A mãe de 19 anos e o pai identificado como Denilson de Jesus Salvaterra de 22 anos foram presos pela Polícia Militar (PM). O pai confessou o crime e deve responder por homicídio qualificado.

Conforme informações, os próprios pais levaram a criança para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA). No local os médicos constataram que a criança já havia chegado sem vida na unidade.

A princípio os pais alegaram que a criança havia enrolado o pescoço no fio de celular que estava carregando, mas os médicos desconfiaram da situação e acionaram a Polícia Militar (PM).

O casal foi encaminhado para a Delegacia de Polícia.

A perícia foi até a residência do casal para fazer o trabalho de investigação e a criança foi encaminhada para Rondonópolis para passar por um exame de necropsia.

Foi comprovado que o menino foi esganado na região do pescoço, também teve um ferimento na região do pulmão e outro na cabeça.

O homem confessou o crime e disse aos policiais que agrediu o filho porque a criança estava chorando muito e a mãe ficava muito nervosa.

O caso segue sendo investigado.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: https://www.mtdefato.com.br/interior/pai-se-irrita-com-choro-e-mata-bebe-de-1-ano-esganado/109286