Vamos trabalhar junto com o governo do Estado para que o projeto siga sem problema

Imagem: Deputado Thiago Silva

Deputado Thiago Silva – Foto/Divulgação

 

O deputado estadual e presidente da Comissão de Educação Thiago Silva – MDB esteve na segunda-feira (24), em Rondonópolis, nas obras de reforma da Escola Estadual Emanuel Pinheiro. O parlamentar realizou uma visita técnica pelo canteiros de obras, para fiscalizar os prazos e qualidade da obra.

Silva conversou com operários e o mestre de obras Jari Venâncio da Cunha. O encarregado afirmou que os serviços estão dentro do cronograma e o trabalho será entregue no mês de julho. “Falta pouca coisa, parte da instalação elétrica, pintura e forro. Se não acontecer imprevistos terminaremos com dentro da previsão do cronograma”.

O prédio está em reforma desde o início do ano passado. O governo anterior prometeu entregar o serviço no primeiro semestre de 2018. A obra não foi concluída dentro do período estabelecido e acabou paralisada por falta de pagamento no fim do mesmo ano.

Desde então o deputado tem encapado uma luta para que a reforma do prédio fosse retomada e concluída. Ao longo de oito meses, Thiago Silva conversou com pais de alunos, professores, com a direção da unidade e realizou diversas reuniões com o governo de Mato Grosso. “Vamos trabalhar junto com o governo do Estado para que o projeto siga sem problema. O governador Mauro Mendes e a Secretária de Educação Marioneide nos assegurou o compromisso em terminar as obras das Escolas da cidade. Alunos, professores e funcionários estam há quase um ano num local improvisado. Agora vão começar o segundo semestre dentro de uma escola totalmente reformada e em totais condições para o aprendizado”, conta Thiago Silva.

A escola atende mais 400 alunos do ensino fundamental do 2º ao 9º ano e funciona atualmente na Escola Professor Alfredo Marien.

Dutra e Adolfo

O deputado Thiago Silva segue cobrando solução para as obras de reforma das escolas estaduais Marechal Dutra, Adolfo Augusto de Moraes e a conclusão da unidade do bairro Maria Tereza. “Já passamos para o governador a necessidade da retomada destes projetos. Hoje os alunos do Dutra e Adolfo estudam num ambiente reduzido e bem complexo. A região do Maria Tereza precisa com urgência de uma escola. Estamos otimistas para anunciar novidades nos próximos meses”.

 

Fonte: https://www.agoramt.com.br