Um estudante russo de 17 anos perdeu a mão direita e parte da esquerda após ser atingido pela explosão de um bomba caseira que ele mesmo construiu. O caso aconteceu na Ilha de Vassiliev, na Rússia, na última quinta-feira (13).

 

Segundo informações de jornais locais, o jovem, identificado apenas como Andrey K., saiu de casa com o artefato na mochila para ir até uma biblioteca. A bomba explodiu na entrada do local e deixou justamente ele como o único ferido.

 

Levado ao hospital St. Mary Magdalena, o estudante foi induzido ao coma e passou por cirurgia. Investigadores encontraram fotos da criação da bomba em uma rede social, além de conversas dele com uma amiga, e suspeitam que Andrey tenha montado para o artefato para impressioná-la.

 

Apesar do caso ter ocorrido dias após o ataque no metrô de São Petersburgo, que deixou 15 mortos e dezenas de feridos, as autoridades não estão considerando o caso como um ato terrorista, mas como um acidente causado por um estudante “com um grande interesse em química”.

 

Fonte: http://www.redetv.uol.com.br