Dona de casa de 41 anos denunciou um funcionário do Hospital Álvaro Fontoura, em Coxim – distante 260 km de Campo Grande, por tentativa de estupro. O crime, segundo a mulher o acusado seria um técnico de raio-x.

De acordo com o site Edição de Notícias, a dona de casa relatou ter sido internada no hospital com pneumonia e horas depois o funcionário a teria levado para a sala de raio-x, para exame do tórax, quando, de acordo com a mulher, o homem fechou a porta e disse para ela tirar a roupa e vestir a do hospital. Ela teria pedido para o funcionário sair da sala para ela se trocar e ele teria dito que não sairia e a ajudaria a tirar a roupa.

A dona de casa conta ainda que o técnico tirou sua blusa, realizou o exame e depois disse que tiraria seu short, quando teria puxado a parte de baixo da roupa dela, tocando em suas partes íntimas. A mulher relata ainda que durante todo o tempo o funcionário teria assediado com comentários e que conseguiu impedir que ele retirasse o restante de suas roupas.

Após voltar ao quarto, a mulher contou o fato à filha, uma jovem de 20 anos, que procurou a assistente social do hospital e em seguida, denunciou o caso à polícia.

A mulher recebeu alta do hospital ontem (5) e prestou depoimento da DAM (Delegacia de Atendimento a Mulher). Segundo a delegada Silvia Elaine Girardi dos Santos, o caso é investigado e corre como segredo de Justiça.

Já de acordo com o secretário de Saúde Rogério Souto, que também responde pela direção do Hospital Regional, o caso foi enviado para o setor jurídico e processo administrativo será instaurado.

A reportagem do Campo Grande News também tentou contato com a administração do hospital, mas as ligações não foram atendidas.

 

Fonte: www.24horasnews.com.br