Ex-secretário do Governo Silval Barbosa, ele estava descontente com enfraquecimento da Pasta

 

O agora ex-secretário da Casa Civil do Distrito Federal, Eumar Novacki

Dois dias depois de pedir para sair da chefia da Casa Civil, o Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) publicou a exoneração, a pedido, de Eumar Novacki do cargo.

No lugar dele, conforme o Metrópoles revelou, assume interinamente o secretário de Justiça e Cidadania, Gustavo do Vale Rocha, “sem acúmulo de vencimentos”, consoante destacado no DODF.

Escolhido pelo governador Ibaneis Rocha (MDB) para assumir a Casa Civil do Distrito Federal a partir de 1° de janeiro de 2019, Eumar Novacki pediu para deixar o cargo na manhã dessa segunda-feira (13/05/2019).

O emedebista tentou reverter a decisão, sem sucesso. Ex-secretário do Governo José Roberto Arruda, José Humberto Pires é cotado para ocupar a vaga.

O motivo da saída seria o descontentamento de Novacki com o enfraquecimento da Casa Civil.

A gota d’água teria sido a decisão de Ibaneis de retirar da pasta a responsabilidade da publicação do Diário Oficial do DF, que traz as principais medidas do Executivo local.

Além disso, o secretário tem enfrentado divergências internas com integrantes do primeiro escalão do GDF.

 

 

FONTE: https://www.midianews.com.br