(Por Marco Stamm, do Só Notícias)

Cuiabá, Várzea Grande e governo do Estado vão prolongar o feriado de Corpus Christi, celebrado nesta quinta-feira (11), e terão ponto facultativo na sexta-feira. A medida faz parte de um plano de contenção para barrar o avanço do novo Coronavírus na região que é o epicentro da contaminação em Mato Grosso. Com isso, os moradores da região terão quatro dias para ampliar o isolamento social e diminuir o aumento do contágio para tentar evitar um ‘lockdown’ já cogitado pelos prefeitos das duas maiores cidades do Estado.

O governo do Estado publicou o decreto de ponto facultativo na terça-feira (9) e as secretarias e órgãos do governo, em todo Mato Grosso, não terão expediente na quinta e na sexta-feira. Apenas serviços essenciais, como saúde e segurança, terão atendimento emergenciais.

A prefeitura de Cuiabá deve publicar um decreto com novas medidas adotadas no combate à Covid-19 na tarde de hoje, mas o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) já sinaliza estar de acordo com o plano adotado pela prefeitura Várzea Grande, que também confirmou a extensão do feriadão.

O secretário municipal de Saúde, Diógenes Marcondes, explicou que o fechamento por quatro dias é uma alternativa para evitar o ‘lockdown’ e servirá como teste, uma vez que a flexibilização do isolamento social aumentou o índice de contaminação e que já existe dificuldade para encontrar leitos de UTIs.

“São medidas duras parar uma cidade do porte de Várzea Grande, a segunda maior população do Estado, por quatro dias, mas necessário para se buscar o platô da curva de disseminação. O poder público tem o dever de salvar vidas”, afirmou Marcondes, acrescentando que “quanto mais tempo se ganha, mais chances de atender e salvar vidas vamos tendo. O colapso no sistema de saúde já existe”.

 

 

Fonte: https://www.sonoticias.com.br/geral/grande-cuiaba-tera-ponto-facultativo-e-usa-feriadao-de-corpus-christi-como-teste-antes-de-lockdown/