O homem justificou as agressões dizendo ter descoberto que estava sendo traído

Um casal foi preso na noite desse domingo (14) após uma briga em que ambos acabaram se agredindo. Conforme o boletim de ocorrência, o homem, de 26 anos, agrediu a mulher, de 29 anos, que está grávida. Ela, para se defender, deu uma cadeirada no companheiro, causando um sangramento nele.

O caso aconteceu no Bairro Cohab Cristo Rei, em Várzea Grande (região metropolitana de Cuiabá), por volta das 20h15.

O casal mora junto há três meses e, nesse domingo, passou o dia em uma confraternização. Segundo o relato da mulher, ao chegar em casa o companheiro ficou agressivo, agarrou-a pelo pescoço e lhe deu socos e empurrões.

Em seguida, ele ainda teria pegado o celular da companheira sem o consentimento dela e arremessado na parede, danificando-o. Ela afirmou ter tentado sair da casa para pedir socorro, mas o marido não teria deixado, impedindo-a com novas agressões.

Para se defender, a mulher disse que pegou uma cadeira e arremessou contra o companheiro, causando-lhe um sangramento próximo à orelha esquerda.

O suspeito justificou sua ira aos policiais dizendo ter encontrado conversas da companheira com o ex-marido, que apontavam indícios de que ela o estaria traindo e que, por isso, iniciou a briga.

O homem precisou ser encaminhado à Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) do Bairro Cristo Rei, em Várzea Grande, onde recebeu atendimento médico devido ao corte causado pela cadeira. Assim que teve alta, ele foi encaminhado junto à mulher para a delegacia, ficando os dois com escoriações pelo corpo.

 

Fonte: https://olivre.com.br/homem-agride-a-companheira-gravida-e-leva-uma-cadeirada