Janaina pede que presidente do Indea seja afastado: ‘a vítima precisa se sentir segura’

A deputada estadual Janaina Riva (MDB) manifestou repúdio ao caso de assédio sexual envolvendo o presidente do Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (Indea-MT), Marcos Catão Dornelas Vilaca, denunciado por uma servidora do órgão. Em suas redes sociais, a parlamentar afirmou que falou com o secretário da Casa Civil, Mauro Carvalho e pediu que ele afaste o presidente.

“Não que um homem acusado de assédio não tenha o direito de se defender, mas a mulher vítima, precisa se sentir segura, saber que existe justiça e que ninguém, por maior que seja sua posição, está imune a lei. Enquanto estiver na Assembleia Legislativa, como representante de todas as mulheres de Mato Grosso, não vou me calar. Essa denúncia é grave, é de causar náuseas e a vítima nesse momento, merece nosso apoio”, afirmou a emedebista.O caso aconteceu em novembro, mas só foi divulgado nesta semana. Segundo informações do boletim de ocorrência, a servidora pediu exoneração do cargo após o episódio sofrido. O assédio sexual aconteceu em um dos dias em que ela precisou entrar na sala para repor as garrafas d’água, quando ele passou a dar investidas verbais, realizando também ato obsceno.

Mesmo com a situação, a vítima foi trabalhar no dia seguinte, mas só tomou coragem para fazer uma denúncia após relatar ao seu pai o que aconteceu. Ele também a encorajou para pedir desligamento do Indea, como incentivou o registro do boletim de ocorrência para evitar que outras mulheres passassem pela mesma situação que ela.

Olhar Direto entrou em contato com o Governo de Mato Grosso. Em nota, o executivo estadual informou que irá abrir uma investigação para apurar o caso.

Janaina afirmou, ainda em sua postagem, que este caso deve servir de exemplo para que outras mulheres também denunciem. “Não são os casos que estão aumentando, seja de assédio sexual ou de violência doméstica, em minha humilde opinião, as denúncias é que estão aumentando. A determinação de todas as mulheres em denunciar é que está aumentando. Vamos nos fortalecer e vamos juntas lutar contra essa cultura machista e preconceituosa. Respeito o direito a defesa, mas principalmente, respeito as mulheres que passam ou já passaram por situação similares e elas sim, merecem todo nosso trabalho e dedicação. Contem comigo!”, afirmou.

 

FONTE: https://www.olhardireto.com.br/noticias/exibir.asp?id=481119&noticia=janaina-pede-que-presidente-do-indea-seja-afastado-a-vitima-precisa-se-sentir-segura