No nosso Top 5 tem também o casarão do Bairro Bandeirantes, considerado um dos lugares mais mal-assombrados do Brasil

No mundo da ficção povoam personagens horripilantes que são frutos da mente criativa de escritores, roteiristas e diretores de cinema. Casos de possessão demoníaca, casas mal assombradas, assassinos loucos… Tem tudo isso e mais um pouco nos filmes, mas veja só, não precisa ir muito além: tem história de terror aqui mesmo em Cuiabá.

Lendas e histórias pavorosas são difundidas pelo relato de pessoas que afirmam já ter vivido ou presenciado momentos para lá de estranhos. Fizemos uma seleção das Top 5 lendas que até hoje assombram o cuiabano. Você acredita?

1- Lobisomem do bairro Lixeira

Muitas pessoas que moram na região, afirmam já ter ouvido o uivo do mutante – metade homem, metade lobo – durante a madrugada. Também existem relatos daqueles que viram o próprio caminhando nas ruas atrás da sua refeição noturna.

2- Cemitério do Cai-Cai

Moradores mais antigos se arriscam a dizer que já sentiram presenças ou viram almas penadas vagando pelo local, que hoje se tornou a Praça do Cai-Cai. Ex-moradora, Carolina Souza conta que à época que morava nos arredores ia para lá brincar e a mãe a repreendia: “ela não gostava quando íamos brincar na areia na praça. Ela vinha de longe gritando dizendo que lá tinha gente morta”, conta a ex moradora, Carolina Souza. Na praça existe uma parte do que seria um monumento homenageando os soldados que lutaram na maior guerra que o Brasil já travou, a Guerra do Paraguai. Soldados eram sepultados em cemitérios militares e também, no Cai-Cai.

3- Drácula da Mandioca

O famoso vampiro também foi visto andando pela região. O ponto de crimes é na Praça da Mandioca, localizada no centro de Cuiabá. Dizem que as características são de um homem magro, alto e com a pele super branca e pálida. Ele não faz contato visual com as pessoas e sempre esta sozinho no meio da escuridão. Ou seja, se for curtir lá pelos lados da Praça, é bom ficar alerta!

4- A noiva de branco

Todas as noites, uma mulher vestida de branco percorre as ruas do Centro de Cuiabá. Como todo lenda, essa tem várias versões. O historiador Aníbal de Alencastro, no livro “Cuyaba: história, crônicas e lendas”, conta uma delas.

Segundo Aníbal, reza a lenda que um rapaz conhece uma moça durante um baile de Carnaval cuiabano. Ele se apaixona pela bela jovem, que usa máscara. Dançam na festa e, em um momento, ela pergunta a ele o horário, ao que ele responde que são quase meia-noite.

Ela diz que tem que ir embora e ele se oferece para levá-la. Chama um táxi e quatro quadras dali, ao passar em frente ao cemitério, ela pede que o motorista pare. Ele então pergunta se é ali que ela mora e ela responde que sim e entra no cemitério. Atordoado, ele entra no carro e vai embora.

No dia seguinte, ele procura o mesmo motorista da noite anterior e juntos voltam ao cemitério. Ao conferir o obituário descobre que sua amada havia falecido há cinco anos. Vai até a sepultura e vê a capa que ele a emprestara no baile. E assim, termina a história de amor do jovem estudante cuiabano e sua namorada do além.

5- Casarão assombrado do Bandeirantes

Localizado entre as ruas Diogo Domingos Ferreira e Manoel Garcia Velho, no Bairro Bandeirantes, um casarão se ergue imponente e silencioso, em meio ao tráfego intenso da região central de Cuiabá.

Sua fama já foi mais conhecida, mas ainda hoje as lendas de assombração parecem não abandonar o local. Até no moderno Google Maps, o ponto de referência mais próximo diz “Casarão Assombrado”. A lenda dizia que May (professora Ana Maria do Couto, proprietária da casa), havia sofrido muito com uma doença, e que nos últimos dias de vida, chegava a gritar de dor.

Após a sua morte, as pessoas passaram a dizer que quem passasse tarde da noite em frente ao casarão ouviria os gritos. Outros juravam ter visto o fantasma da professora andando pela varanda da casa. A história se tornou tão popular em Mato Grosso que ganhou repercussão em âmbito nacional. Um blog definiu o casarão como um dos 40 lugares mais mal-assombrados do Brasil. Em outro, o local está entre os sete mais assustadores.

Essas foram as Top 5 lendas de Cuiabá. Você conhece mais alguma história que ainda não foi contada? Se sim, deixe aqui nos comentários.