Rafael Antônio da Silva tentou foi imobilizado ao resistir as ordens da polícia e levado para a delegacia. Caso foi registrado em Lucas do Rio Verde, a 360 km de Cuiabá.

(Por Bruno Bortolozo, TV Centro América)

Arma usada pelo marido foi apreendida — Foto: João Ricardo da Cruz

Arma usada pelo marido foi apreendida — Foto: João Ricardo da Cruz

Um jovem de 25 anos foi preso em Lucas do Rio Verde, a 360 km de Cuiabá, depois de manter a mulher em cárcere privado e ameaçar matá-la após um pedido de separação, na segunda-feira (22). Rafael Antônio da Silva tentou foi imobilizado ao resistir as ordens da polícia e levado para a delegacia.

G1 tenta localizar a defesa dele.

A denúncia foi feita pela mãe da vítima, que mora em outro município, e recebeu uma ligação da filha contando o que estava acontecendo.

À polícia, a mulher contou que foi trancada pelo marido no banheiro, agredida e ameaçada de morte, depois que contou a ele que queria se separar.

Ao receber a notícia, o homem afirmou que “se ela não ficasse com ele, não ficaria com mais ninguém”, segundo o boletim de ocorrência.

Ao chegar na residência, a polícia mandou que ele largasse a arma e se rendesse. A ordem, porém, não foi acatada. Na ocasião, Rafael tentou fugir para dentro da casa com a arma, quando foi detido.

O caso vai ser investigado pela Polícia Civil.

Fonte: https://g1.globo.com/