Presidente da AL apenas disse que prefeito da Capital precisa “construir pontes e não destruir”

(por CÍNTIA BORGES, midianews)

O presidente da AL, Eduardo Botelho: “O apoio é público, o voto é secreto”

Presidente da Assembleia Legislativa, o deputado Eduardo Botelho (DEM) afirmou que não manifestará apoio a nenhum dos candidatos que disputam o segundo turno em Cuiabá.

A eleição na Capital, que ocorre no próximo domingo (29), está polarizada entre o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) e o vereador Abílio Júnior (Podemos).

“O apoio é público, o voto é secreto. Eu não tenho convicção para manifestar apoio a nenhum dos dois, e manterei meu voto secreto. A minha convicção era o candidato que tínhamos no primeiro turno”, disse Botelho, referindo-se ao candidato derrotado, o apresentador de TV, Roberto França (Patriota).

A declaração foi dada em entrevista à Rádio Conti, na manhã desta segunda-feira (23).

Eu não tenho convicção para manifestar apoio em nenhum dos dois, e manterei meu voto secreto. A minha convicção era o candidato que tínhamos no primeiro turno

Questionado sobre o que um gestor da Capital deve ter, Botelho resumiu-se a dizer que é necessário um político “agregador”.

“Precisa ver quem está com vontade de construir pontes e não abismo. Não é só construir obras, é o que fará melhor para cidade. O político não pode ser aquele que leva ódio e guerra”, disse.

“Qual o resultado de quem chegou [a política] dizendo que iria prender todo mundo e ia fazer ‘isso e aquilo’? Nada. Ficaram obras por fazer. Quem é do Executivo tem que fazer a união, a pacificação”, completou.

Cutucada em Abílio

Sem citar nomes, o presidente do Legislativo ainda deu uma cutucada em Abílio.

“Quem ganhar por Cuiabá tem que pedir o compromisso de todos. Não é dizer: ‘Olha, não quero compromisso de nenhum deputado’. Ora, você precisa do apoio de deputado. Como vai fazer a gestão sozinho?”, disse.

Recentemente, o candidato do Podemos minimizou o apoio de Botelho e afirmou que “se puder cuidar da Assembleia Legislativa, eu fico feliz com isso”.

“Eu não tenho compromisso nenhum, nem com Botelho, nem com Janaina Riva, nem com ninguém, meu compromisso é com a população”, disse.

 

 

 

 

Fonte: https://www.midianews.com.br/politica/nao-tenho-conviccao-sobre-apoio-e-manterei-o-meu-voto-secreto/388648