Eloísa da Silva Munhak, de 53 dias, está sendo tratada com antibióticos, mas por se tratar de um caso grave, precisa com urgência ser transferida, já que em Brasnorte não há leitos de UTI.

(Por Eduardo Kotaki, TV Centro América)

Eloísa da Silva Munhak, de 53 dias, está em estado grave de saúde. — Foto: TVCA/Reprodução

Eloísa da Silva Munhak, de 53 dias, está em estado grave de saúde. — Foto: TVCA/Reprodução

Um bebê de apenas 53 dias de vida está internado com quadro grave de pneumonia e bronquiolite no Hospital Municipal de Brasnorte, a 580 km de Cuiabá, e aguarda uma vaga em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) pediátrica em Cuiabá para ser transferida.

Eloísa da Silva Munhak, de 53 dias, está sendo tratada com antibióticos, mas por se tratar de um caso grave, precisa com urgência ser transferida, já que em Brasnorte não há leitos de UTI.

Eloísa conseguiu ser regulada pelo estado, mas até este sábado (27) não havia conseguido nenhuma vaga em alguma UTI pediátrica.

O caso é grave e ela precisa ser transferida em uma UTI aérea até Cuiabá.

A assessoria da Secretaria Estadual de Saúde (SES) emitiu uma nota dizendo que conseguiu regular a criança na sexta-feira (26), mas aguarda a disponibilidade de vaga e que está trabalhando para que isso aconteça o mais rápido possível.

FONTE: https://g1.globo.com/mt